domingo, 31 de julho de 2011

Uma grande contadora de historias !!!!

Gente, já tinha me despedido mas ouvi esse video agorinha e me apaixonei pelo francês da menininha.... que invejaaaaaaaaaaaaaa....... olhem só :





Fofaaaaaaaaaaa.......um dia eu vou falar assim !!!!

Como fazer naked resumes and cover letters

Oi Pessoal!!!

Esse mês tá zoado na minha vida... o Rafa terminou aquele intensivo da AF agora sexta feira.... e como só temos um carro, nossas vidas ficaram malucas com o corre corre..... lembrando que julho é mês de férias do pimpolho... então, imagine o desespero que foi.Ufaaa...acabou!! É impressionante como o Rafa saiu o zero frânces e tá até falando alguma coisa entendível rsrsrs...que ele não leia isso!!! Mas eu amei.... agora ele vai continuar o curso no ritmo normal e eu terça feiro começo o primeiro módulo tbm.... to super ansiosa!!

Aconteceram tantas coisas nos serviços tbm ... to bem desanimada e com vontade de abandonar tudo antes da hora. Mas sei que tenho que me manter focada.... no fim serei recompensada com a ajuda de Deus !! Ainda nem demos início no processo e nem sei quando iremos, porque estamos esperando algumas coisas se alinharem ainda. Mas temos uma certeza, queremos ir, vamos ir, não importa o quanto isso exija de nós !! 

Bom, nas minhas incansáveis busca pela net, encontrei no blog Eu pensando no Canadá um link interessante direto da universidade de Ottawa com orientações de como fazer curriculuns e cover letters para nossos próximos caçadores de talentos.... achei bem legal e vou disponibilizar aqui tbm.... Naked resumes 

No mais pessoal, desejo uma ótima semana a todos e que Deus nos abençõe sempre!


segunda-feira, 18 de julho de 2011

Características de Quebec city !


Principais características da Cidade de Quebec
Capital próspera, atraente e amigável, Quebec é o berço da cultura francesa na América do Norte. Apenas paredes da cidade ao norte do México, ele manteve o seu aspecto europeu e reforçar o seu património tesouros extraordinários.
Além de sua beleza, Quebec é antes de tudo uma cidade que oferece uma incomparável qualidade de vida. De fato, muitos serviços de hospedagem e apoio foram estabelecidos para que a instalação dos recém-chegados está indo bem.

Pessoas amigas

Quebec tem cerca de 500.000 habitantes. Francês domina a conversa, uma vez que é usado em casa por uma margem de 97% e de trabalho a uma taxa de 83%.
A população é, contudo, aberta à diversidade e esperamos aumentar o número de recém-chegados ao longo dos anos.
Entre 2001 e 2006, mais de 7.000 pessoas imigraram para a região, principalmente em Quebec City. Entre as muitas comunidades culturais estão enraizados nela, os dez principais países de origem dos imigrantes são a França, Colômbia, Marrocos, Bósnia e Herzegovina, China, Argélia, República Democrática do Congo , Roménia, Tunísia e Burundi.

Clima

Em Quebec, as estações do ano são muito marcados e discussões sobre o tempo fazem parte da vida cotidiana! No entanto, a vida é organizada de acordo com a temperatura, para desfrutar os benefícios de cada temporada. Do Norte por excelência da cidade, a acumulação média anual de neve é de 337 cm. Se os esportes de inverno são normalmente realizados de dezembro a março, o clima mais ameno durante o resto do ano, pode conter uma grande variedade de atividades.

Um sistema de ensino acessível

Escolas espalhados pela cidade, fornecer treinamento de jovens e pré-escola de qualidade, primário e secundário. Educação nesses níveis, bem como para a faculdade, é gratuito para escolas públicas.
Na região, a presença da Universidade de Québec, Télé-Université, École nationale d'administration publique, quatro faculdades de educação geral e profissional, não incluindo as instituições privadas, apenas assegurar a diversificação das formações.
Finalmente, Laval University, é reconhecida tanto pela qualidade do seu ensino e a excelência de seus programas de esportes.Cerca de 400 programas de estudo irá atrair cerca de 38.000 alunos por ano.
A cidade segura

Em Quebec, não tem que se sacrificar você anda no seu bairro ao anoitecer. Você se sente seguro, em qualquer lugar e qualquer hora. Segurança Urbana de Quebec também é listado em 99% por turistas.

A qualidade única de vida

Quebec City oferece aos seus cidadãos um ambiente único urbano. Ele oferece todas as vantagens de uma cidade grande para uma escala mais humana.
Seus atributos incluem:
  • Seis distritos , cada um com suas peculiaridades;
  • 6 17 museus e centros interpretativos;
  • 40 km de costa ao longo do rio St. Lawrence, que carrega em si mais de 20% de toda água doce do mundo;
  • 271 km de ciclovias;
  • 454 parques e espaços verdes;
  • mais de 1.000 restaurantes, onde eles oferecem a culinária de 25 nacionalidades.
  • de instalações municipais variados, espalhados por todo o país.
E a lista continua! Veja atrações para mais detalhes sobre os encantos da cidade.
Além disso, a 30 minutos do centro da cidade, ao ar livre espera por você! Verão ou Inverno, oParque de la Chute Montmorency- , o Parque Nacional de Jacques-Cartier eo resort Duchesnay irá encantá-lo.
Vida cultural é intensa, variada e acessível a todos os orçamentos. Carnaval de Inverno de Quebec em Quebec Festival de Verão da cidade através do Festival do Filme 3 Américas , a Feira Internacional do Livro de Quebec ou o Carrefour internacionais de théâtre , as estações são pontuadas com eventos para todas as idades.
Quebec é também uma cidade verde, conscientes das questões ambientais. Em 2008, a qualidade geral de seu ambiente, sua segurança econômica, bem-estar de seu povo, sua abordagem ecológica para o transporte e consciência popular lhe valeu o título de Cidade do desenvolvimento sustentável entre os Municípios premier canadense 250 000 habitantes ou mais, concedido pela revista canadense Corporate Knights .
Enquanto o tempo permitir, você pode usar ciclovias, tanto para explorar os arredores do que para chegar ao trabalho. Também encontrado na cidade uma rede viária eficiente, que inclui 300 km de vias expressas. O tempo médio para ir e voltar do trabalho de carro é de 57 minutos mais curto do que o de cidades como Sherbrooke, Ottawa, Gatineau ou Montreal.
Com ativos de tantos, não é de estranhar que, entre os municípios de tamanho similar, Quebec foi identificado em 2007 pela revista FDI como a cidade onde você pode encontrar a melhor qualidade de vida na América do Norte.



domingo, 17 de julho de 2011

Qualidade de vida!

Oi Pessoas!!!

Me ausentei um pouco esses dias porque os ultimos 15 dias foram tensos no serviço....tive que finalizar uns balanços e inventários.... tava meio estressada.... Mas, graças a Deus deu tudo certo, e tamo na área novamente!! Tava lendo coisas por ai e achei um post muito legal no blog da Cami e resolvi postar aqui pra galera entender quando falamos em qualidade de vida.... é isso ai !!! é por isso que queremos ir.... na verdade, como disse meu esposo esses dias, acho que só queremos voltar pro nosso país, somos canadenses nascidos no Brasil !!! =D

Ai vai, boa leitura!!

bjus e boa semana a todos!!!






"Sei que aqui vez em sempre estamos falando de grana, já que essa é uma curiosidade e preocupação muito frequente dos que pensam em imigrar. Quanto custa isso, quanto custa aquilo, quanto se ganha com isso ou aquilo? Com isso, nossa intenção é desvendar alguns mitos e mostrar que se pode viver tranquilo com um orçamento real. 

Mas vou dizer aqui, pela primeira vez, algo que repito sempre aos amigos e familiares: a opção por viver fora deve envolver razões maiores do que cifrões. Imigrar para - e somente para - fazer dinheiro pode não ser mais uma realidade para muitos. Para nós essa razão somente não compensaria. Queríamos um lugar bacana para nosso filhote crescer e onde pudéssemos ter uma melhor qualidade de vida. 

Aqui poderia dizer que a vida é livre: eu nunca tranquei a porta da garagem, não tenho muro ao redor de casa, as entregas são colocadas na sua porta, os brinquedos das crianças ficam espalhados na frente de casa e nós não moramos em condomínio. As crianças (com idade adequada) vão andando para escola sem maiores problemas. Na volta para casa, param para brincar nos parquinhos com os amigos. Passeiam com os cachorros pelas ruas, andam de bicicleta. Os bancos não têm seguranças armados nem portas giratórias. E isso tudo na matemática da vida...não tem preço. 

Claro que depende da área que você vai morar. Hoje moramos numa cidade satélite ao norte, o que faz a vida ser mais pacata, mas em Toronto, em termos de segurança, você pode encontrar o mesmo. Guga já foi mais de uma vez andando de madrugada na farmácia comprar remédio e foi tranquilíssimo. Viver sem medo é algo que pesa muuuuuuuuito na qualidade de vida para nós. E assim que você se habitua a isso fica difícil pensar em não viver mais assim. 

Pela falta de tensão, as pessoas muito comumente se cumprimentam na rua, sorriem, lhe dão bom dia, lhe desejam bom fim de semana. Isso se a cultura delas "permite". Alguns povos simplesmente não entendem porque devem se dirigir a alguém que não conhecem, sabia?

Além disso, as opções de lazer em família são diversas. Muitas gratuitas. Por exemplo, quase que em todo quarteirão você encontra parquinhos para crianças e parques (áreas verdes com espaço para churrasco, pique-nique). Se não tem no seu quarteirão, tem num vizinho ou a uma distância que dá pra ir a pé. Essa regra vale também para Toronto. Aqui ao redor de nós temos um arboreto e uns sete - isso mesmo, sete -parquinhos que podemos ir a pé. Se pegar o carro ou a bicicleta, esse número aí aumenta. 


E é legal ver os detalhes. Os parques são divididos por faixas etárias.Você pode ver isso pelo tipo de balanço, altura dos brinquedos, tipo de brinquedos, tipo de chão. É, aqui eles usam borracha ou lascas de madeira esponjosa para os pequenos se machucarem menos. Às vezes areia também. E, como não temos praia por perto, no verão esta areia vira a praia dos pequenos. 


Além dos parques, pode-se contar com centros comunitários com piscinas, quadra de patinação no gelo/hóquei, parquinhos indoor, atividades infantis tipo aula de natação, de patinação, artesanato e outros incentivos para socialização. Existe também atividades para adultos, com natação, hidroginástica, patinação e por aí vai. É uma ótima forma de conhecer gente nova e se divertir o ano todo, independente da estação. 

Tem também as bibliotecas que possuem acervo fantástico de livros e DVDs/Blue-rays e, ainda, disponibilizam atividades infantis e para adultos. Tudo isso num sistema integrado, já que Toronto é muito grande. O que significa que você escolhe seu livro online e solicita retirada na locação mais conveniente para você. 

Viver com segurança e opções de lazer em família em conta: para todas as outras coisas existe o mastercard..."



Espetacular né??? Valeu Cami !!! 

Bjokas

sábado, 2 de julho de 2011

Especial - Ville de Québec, a cidade dos MEUS sonhos

Para muitos, acredite, ela é mais bonita que Paris. Limpa e sossegada, preserva até hoje a beleza e o charme do passado. Fundada em 1608, é a cidade mais antiga da América do Norte e a capital da Província de Quebec. Trata-se de mais uma região do Canadá com forte ascendência francesa e que foi declarada patrimônio da humanidade pela Unesco, em 1985.
É dividida em duas partes: a mais antiga Basse Ville (Cidade Baixa) e a Haute-Ville (Cidade Alta). A primeira era habitada pelo povão, enquanto a segunda, pelos ricos. Por serem históricas, ambas foram beneficiadas com um longo processo de restauração. Prédios, que décadas atrás eram sede de banco, transformaram-se em grandes hotéis - ou "hôtel-boutique", conceito de hotelaria que une conforto máximo a uma arquitetura bicentenária.
A Cidade Baixa apresenta em seus traços um conjunto de ruas estreitas de pedra, com charretes, longas escadarias e casas de telhado colorido dos séculos 18 e 19, erguidas ao longo do rio São Lourenço. Já a Cidade Alta, igualmente rústica, é protegida por uma muralha de 4,6 quilômetros e 16 m de altura, que os franceses começaram a construir em 1745. Lá ficam os palácios oficiais, impecáveis por fora e luxuosos por dentro.
Apesar das diferenças sociais de antigamente, a paz e integração reinam atualmente por cada extremo do município. Os moradores são todos solícitos e receptivos, embora só “arranhem” o inglês. Muitos turistas que vão a Quebec dizem que, mesmo sem conhecer a França, se sentem nela. Pura sensação de déjà vu!

Cultura


Como toda cidade de civilização francesa que se preze, os museus são bastante visitados. O de Belas Artes, especializado em artes canadenses, e o da Civilização são os principais. No verão, o destaque vai para os festivais musicais, esportivos e artísticos.
E para assistir a uma boa peça ou concerto musical, atente-se à programação do Teatro Capitólio, na rue St-Jean, e do Grand Théâtre, o maior do país.



Passeios

A Cidade Baixa é a parte mais histórica de Quebec. Entre alguns pontos obrigatórios, estão as portas das muralhas, como a de Saint-Jean, e a praça Royale, onde esgrimistas treinam a céu aberto. De estilo europeu, é assim chamada por ter um busto de Luís 14 num de seus cantos. Passeie também pela região do Porto Velho e pelos vários parques.
Pela Cidade Alta, não precisa se hospedar, mas não deixe de conhecer o famoso hotel Château Frontenac, que parece um castelo, mas não é. A magnífica edificação de 600 quartos foi construída em 1893 pela ferrovia Canadian Pacific.

Comida

A exemplo de Montreal, Quebec tem influência francesa na culinária. Muitos dos restaurantes servem o mais famoso prato de frango gaulês, mas com um toque americano. As carnes de cervo, codorna, ganso, veado, ema, cordeiro, mexilhão e salmão também fazem sucesso. Além dos bistrôs franceses, dá para achar cantinas italianas e casas de comida contemporânea.



Compras

O circuito engloba a rue Saint-Jean, movimentado centro comercial com prédios muito antigos; a place d'Armes, que fica cheia de artistas circenses no verão; a rue Saint-Paul, com antiquários e galeristas; além da Grande Allée, endereço dos melhores restaurantes, e da Rue du Petit-Champlain, exclusiva para pedestres e repleta de lojas pitorescas e de cafés.








Mais apaixonante ainda, na minha opinião, perfeita!!!

Au revoir !!!