quinta-feira, 30 de junho de 2011

Especial - Montreal, a cidade dos sonhos

Montreal é considerada a “Paris das Américas”. Trata-se da segunda cidade de língua francesa mais populosa do mundo - atrás apenas da própria Paris.
Para aqueles que se lembram das aulas de geografia, Montreal é uma grande ilha interligada com várias outras ilhotas, o que a torna um arquipélago fotogênico, festivo e vibrante. Seu nome deriva do Mont-Royal (Monte Real), um imenso morro situado na zona central da península, cuja vista é deslumbrante. Já a bem educada população, que se aproxima dos dois milhões de habitantes, também ostenta em seu DNA o gene da diversidade cultural. Há na cidade uma ampla concentração de imigrantes e estudantes com língua materna diferente do inglês e francês.
Assim, com esse mix de povos, o ambiente na ilha descoberta pelo francês Jacques Cartier, em 1534, é dos melhores. O cenário moderno coexiste perfeitamente com a preservada e charmosa arquitetura antiga do centro histórico, formado por ruas de pedra e carruagens de passeio. A cidade é banhada ao sul pelo rio São Lourenço, que separa Montreal das aprazíveis ilhas de Santa Helena e Notre Dame.
As várias belezas naturais espalham-se por muitos pontos turísitos dignos de visita. De dia ou de noite, a boa programação é garantida. A caminhada se mostra um bom jeito de explorar a região. No verão, o roteiro tem três praias que são em lagos e rios, como a Oka Beach, com 10 km de faixa de areia branca.
O inverno pode até ser um tanto rigoroso. Bate facilmente os 20 a 40 graus negativos, a ponto dos moradores locais não gostarem muito da neve e, “carinhosamente”, a apelidarem de “la merde blanche” (na tradução, “a m... branca”). Mas quem vem de fora, não liga muito de bater o queixo. A friaca é só um tempero adicional no desafio de se virar sozinho em uma cidade grande, convidativa e com ares de Europa.
Ao final, a experiência terá valido a pena. Pois o espetáculo do gelo sobre casas, árvores e montanhas, com direito a boneco de neve, sempre encanta os viajantes dos países tropicais

Cultura

guitar_180
Um dos centros culturais mais importantes do país, Montreal reúne grandes monumentos, museus, casas de show, teatro, cinema… e sedia anualmente dezenas de eventos nacionais e internacionais. Entre os mais importantes, estão o Juste pour Rire, um dos maiores festivais de comédia do mundo, e o Montreal International Jazz Festival, um dos principais do gênero com mais de 500 shows, além do GP de Montreal de F-1. Paralelamente, rolam atrações pitorescas e artísticas, como a Bienal das Artes, o Montreal Word Film Festival, a Parada de Natal, a Festa da Cerveja e a Festa da Bicicleta.
Quer mais? Que tal curtir uma boa exposição? Confira os dois principais museus da cidade: o Belas Artes, na Sherbrooke St. (na quarta, das 17h30 às 21h, é metade do preço) e o de Arte Contemporânea, na Place des Arts (gratuito às quintas, após 17h).
Para gargalhar, visite o Musée Juste pour Rire, o primeiro museu no mundo dedicado à risada! Já em tempos “sustentáveis”, não perca o Museu do Meio Ambiente (Biosfera). E se Nova York tem a Broadway e Londres, o West End, Montreal não fica atrás. Conhecida como “Quartier des Spectacles”, a fervilhante área cultural da cidade situa-se entre a Sherbrooke Street (norte), a René Lévesque Boulevard (sul) e a City Councillors Street (oeste). São mais de 100 companhias inglesas e francesas de teatro para entreter e animar os visitantes no local.

Comida

montreal_comida_180
Em Montreal, o estilo de comer é farto, descontraído e - o mais importante - gostoso! A cozinha é altamente influenciada pela gastronomia francesa. E a maioria das pessoas não quer saber de restaurante chique e formal. Por todo lado, há uma infinidade de pequenos bistrôs mais acessíveis e baratos. Os chefs preparam caprichados pratos econômicos, que servem de dois a quatro comensais de uma vez.
A fim de desgustar os quitutes típicos, muitos mercados a céu aberto, com crepes e sopa de cebola, encontram-se na parte mais antiga da cidade. Também é comum comprar frios e pães no mercadinho para fazer um lanchinho na hora do almoço. É hábito local inverter as refeições, deixando a comida para o jantar.
Em Montreal, o estilo de comer é farto, descontraído e - o mais importante - gostoso! A cozinha é altamente influenciada pela gastronomia francesa. E a maioria das pessoas não quer saber de restaurante chique e formal. Por todo lado, há uma infinidade de pequenos bistrôs mais acessíveis e baratos. Os chefs preparam caprichados pratos econômicos, que servem de dois a quatro comensais de uma vez.
A fim de desgustar os quitutes típicos, muitos mercados a céu aberto, com crepes e sopa de cebola, encontram-se na parte mais antiga da cidade. Também é comum comprar frios e pães no mercadinho para fazer um lanchinho na hora do almoço. É hábito local inverter as refeições, deixando a comida para o jantar.

Passeios

Pouco mais afastadas do centro, outras construções históricas merecem igual atenção. É o caso da catedral de Notre Dame, datada de 1642 e tão bonita quanto à versão original de Paris. Inclua no tour o Parque Olímpico, sede dos Jogos de 1976. O complexo esportivo abrange o estádio “porco-espinho” e uma torre inclinada, entre outros equipamentos. Para diversão a qualquer hora, o glamouroso Cassino Montreal, próximo ao porto velho, possui bons restaurantes, shows e muitos jogos.
Aos amantes de natureza, o imenso Jardim Botânico, ao norte da cidade, relaxa a mente. Enquanto o maior parque local, o Parc des Iles, fica na Ilha de Sainte Helene.
Às margens do rio São Louenço, desponta a Torre do Relógio, verdadeiro marco situado no centro velho, região restaurada e transformada em uma grande zona cultural. Tem até um curioso mercado de pulgas. Imperdível!

Caminhar pelas ruas tranquilas de Montreal, principalmente em downtown (centro), é uma terapia. Lá estão as casas de estilo vitoriano, cafés, livrarias, galerias de arte, universidades e bairros como o Chinatown e Little Italy.
Pouco mais afastadas do centro, outras construções históricas merecem igual atenção. É o caso da catedral de Notre Dame, datada de 1642 e tão bonita quanto à versão original de Paris. Inclua no tour o Parque Olímpico, sede dos Jogos de 1976. O complexo esportivo abrange o estádio “porco-espinho” e uma torre inclinada, entre outros equipamentos. Para diversão a qualquer hora, o glamouroso Cassino Montreal, próximo ao porto velho, possui bons restaurantes, shows e muitos jogos.

Aos amantes de natureza, o imenso Jardim Botânico, ao norte da cidade, relaxa a mente. Enquanto o maior parque local, o Parc des Iles, fica na Ilha de Sainte Helene.
Às margens do rio São Louenço, desponta a Torre do Relógio, verdadeiro marco situado no centro velho, região restaurada e transformada em uma grande zona cultural. Tem até um curioso mercado de pulgas. Imperdível!

Compras

montreal-city-guide_180
A exemplo de Toronto, em Montreal a pedida no inverno é gastar em uma aquecida “Cidade Subterrânea”. São 32 quilômetros de corredores iluminados que formam um mundo à parte no subsolo. Para ter noção da infraestrutura, o complexo possui dez estações de metrô, duas mil lojas (metade dos estabelecimentos comerciais da cidade), sete hotéis, dez mil vagas de estacionamento e 80% dos escritórios do centro de Montreal.
Subindo à superfície, a rua St-Catherine concentra a maioria das lojas e galerias. Ainda pela vizinhança, o Centre Eaton, um shopping gigante, tem tudo o que se pode imaginar. O mesmo acontece na La Baie, uma loja de departamento imensa, das mais antigas e tradicionais do país. Exibe quilômetros e quilômetros de prateleiras e gôndolas repletas de artigos para todos os gostos e bolsos. Só cuidado para não torrar toda a grana da viagem em um único dia. Compre com moderação!

Aiai.....apaixonante não ?!
Num próximo post falarei um pouco sobre a capital !!!

Abraços a todos!!

Que o Senhor nos ajude....sempre!




terça-feira, 28 de junho de 2011

Organizando os passos -parte II- dos documentos

Preparacao da Documentação

Deve-se anexar os documentos requeridos para o processo: 

  • Curriculum vitae do(a) requerente principal e do cônjuge  ou companheiro(a).
  • Declaração dos cônjuges ou companheiros, se for casado(a) ou companheiros (pessoas não legalmente casadas que vivem maritalmente desde pelo menos um ano, podem ser do mesmo sexo).
  • Diplomas certificados ou atestados de estudos secundários e/ou colegial e/ou universitário, classificados e grampeados por ordem cronológica decrescente (o documento mais recente deve ser apresentado primeiro) do requerente principal, assim como do(a) cônjuge ou companheiro(a). É inútil enviar atestados de cursos de curta duração (por exemplo cursos de Excel, Word, etc.), pois os mesmos não serão levados em conta.
  • Cópia de todos os boletins de notas para cada um dos anos de estudos, inclusive aquele do ano em curso, exceto para o ensino primário, classificados por ordem cronológica decrescente e grampeados ao diploma correspondente.
  • Comprovantes do emprego atual, assim como dos anteriores até os 5 últimos anos, para o requerente principal e cônjuge ou companheiro(a). Valem como provas os contra-cheques que indiquem a data de entrada na empresa, ou a declaração do imposto de renda do ano anterior, ou uma carta timbrada do(s) empregador(es) indicando o cargo, a data de contratação e a data de demissão, se for o caso. Serve também experiência de estágio regular.Anexar ao seu pedido o Contrat relatif à la capacité d'autonomie financière (PDF) (Contrato relativo à autonomia financeira) devidamente preenchido e assinado pelo requerente principal. Prova de possuir recursos financeiros como, um extrato bancário com a movimentação da conta dos últimos 3 meses. Ou ainda, um documento autenticado por cartório de registro de títulos e documentos que ateste que o requerente principal tenha disponível, ao menos, o valor mínimo exigível em seu patrimônio.


Documentos estatutários :
  1. cópia da certidão de nascimento sua e de cada uma das pessoas que o acompanham;
  2. cópia da sua certidão de casamento, se você é casado ou, se você é um cônjuge de fato, a comprovação oficial atestando a vida em comum há, pelo menos, um ano (por exemplo: declaração de concubinato, conta bancária conjunta, contrato de aluguel, testamento, documentos comprovando o compartilhamento de responsabilidades, tais como hipoteca, escritura de imóvel, correspondência, faturas e contas em seu nome ou do seu cônjuge, indicando o seu endereço residencial);
  3. cópia do livreto de família, se for o caso;
  4. cópia da sentença de divórcio, se for o caso, com averbação da atribuição da guarda do(s) filho(s), se for o caso; Observação : Se você pretende imigrar com um filho de uma união anterior, anexar uma declaração juramentada assinada pelo membro da família que não acompanha os filhos ou a sentença judicial autorizando expressamente a imigração para o Québec do(s) filho(s).
  5. cópia da certidão de óbito do cônjuge falecido, se for o caso;
  6. fotocópias grampeadas das páginas de identificação do passaporte do requerente e de cada uma das pessoas que o acompanham (com vistos válidos, se houver).
  7. para os cidadãos do Brasil, uma fotocópia do seu Cadastro Pessoa Fisica (CPF). 

  • Declaração do(s) curso(s) de francês informando as horas de aulas freqüentadas. Somente para o requerente principal e para o cônjuge ou companheiro(a). Para comprovar seus conhecimentos linguísticos em francês e acelerar o processo de sua solicitação, anexe à sua Demande de certificat de sélection (DCS – Solicitação de Certificado de Seleção) um dos dois testes reconhecidos pelo Ministère de l’Immigration et des Communautés culturelles (MICC) para que seus conhecimentos lingüísticos em francês sejam avaliados, ou seja,
  • Test d’évaluation du français adapté pour le Québec (TEFAQ - Teste de avaliação do francês adaptado para o Québec) ou
  • Test de connaissance du français pour le Québec (TCFQ - Teste de conhecimento do francês para o Québec)
  • Você também pode apresentar os seguintes atestados: Diplôme d’études en langue française (DELF), Diplôme approfondi de langue française (DALF), Test de connaissance de français (TCF) ou Test d’évaluation du français (TEF). 
  • Comprovação de conhecimentos lingüísticos em inglês, anexar ao seu pedido os comprovantes necessários e, se for o caso, os do seu cônjuge ou cônjuge de fato. Estes poderão ser obtidos através de algum teste de avaliação reconhecido, como por exemplo, IELTS, TOEFL, TOEIC e Cambridge.
  • Laços de parentesco no Québec: Se algum membro da sua família reside no Québec (cônjuge, cônjuge de fato, pai, mãe, filho, filha, irmão, irmã, avô ou avó), grampear à sua Déclaration d'un membre de la parenté au Québec (PDF) (Declaração de um membro da família na província do Québec) os seguintes documentos:
  • cópia do seu documento de residência permanente (carte de résident permanent) ou do passaporte canadense ou do documento de cidadania canadense (carte de citoyenneté);

  • cópia do seu último comprovante de recolhimento de impostos (avis de cotization à l’impôt provincial ), ou cópia do contrato de aluguel (se for locatário), ou cópia do imposto territorial (se for proprietário);
  • cópia de documento atestando o vínculo de parentesco com esse membro da sua família (livreto de família, etc.). 
  • Para os que residem temporariamente no Canadá: cópia da licença de estada (visto);

          Qualquer outro documento que você considere importante para o seu processo

 A fonte oficial das informações aqui apresentadas é o Guide des Procédures d’Immigrations, Composante 3, Chapitre 1 (GPI-3-1). Tenha-o como livro de cabeceira.


E que o Senhor nos ajude ....

Bjus

Novidades no processo-

Olá pessoal!

Anunciaram algumas novidades para o processo de SW à partir de 1º de julho.
A principal delas será a diminuição de 50% das "vagas" de cada profissão. Ao invés das 1000, serão 500 vagas para cada profissão para os próximos 12 meses.
 Pelo o q eu li em outros sites, os processos antigos, continuarão sendo processados, mas ficarão em segundo plano. Terão prioridade aqueles q entrarem à partir de 1º de julho.
 
O programa de investidor poderá ter apenas 700 processos por ano!
O programa entrepreneur está suspenso.
Serão apenas 10.000 processos de SW por ano, para diminuir o tal backlog! Fato q já está acontecendo em virtude das regras estabelecidas no ano passado.
 
 Até agora não falaram em mudanças na idade e nas profissões. Dia 1º as regras serão todas explicadas no site do governo.
CIC
 
E que o Senhor nos ajude!!!

sábado, 25 de junho de 2011

Organizando os passos, parte I

Bom dia pessoal!! Resolvi postar algo pra organizar as idéias de quem pensa em imigrar para o Québec.

Vamos lá, para se imigrar para o Québec existem regras claras e diferenciadas. Primeiro vamos falar sobre a Imigração via Profissionais Qualificados. É necessário ter uma formação técnica (no mínimo) e algum tempo de experiência na sua área de atuação. Você pode fazer um teste online de auto-avaliação e saber sobre suas chances de imigrar. Neste teste de avaliação online, existe uma pontuação mínima a ser alcançada. 

304222527_e8d1b2ad96
No final, com todas as questões assinaladas, você saberá se está apto a dar início ao Processo, ou se deverá tentar novamente antes de dar início. Tudo é uma questão de soma, como: idade, tempo de estudo, área de atuação profissional, tempo de serviço, se é casado(a), solteiro(a), se têm filhos, quantos filhos etc, etc. O idioma francês conta muito na pontuação. O inglês também, mas bem menos.

Tudo deve estar documentado e dependendo de sua formação e atuação profissional, aumenta consideravelmente o número destes documentos. No site de imigração você verá a lista dos documentos e os formulários a serem preenchidos. 
Sendo positivo seu teste online, os passos seguintes serão: 
(1) começar suas aulas de francês,  
(2) juntar a documentação pedida e enviar para o escritório de imigração em São Paulo para a análise. Veja quais os documentos exigidos e as etapas a serem atingidas no Site oficial do escritório de Québec em São Paulo. 

Obtenha informações gerais sobre o processo de Imigração como:requisitos, etapas, lista de profissões em demanda, palestras de informação, prazos, custos e formas de pagamento, formulários, acesse o site: 
 
               MICC
                                                                 
Estes são os 3 primeiros passos para quem deseja imigrar para o Québec via Profissionais qualificados. Passando por estes, outros virão! 


Encontrei um video no youtube da TV PARANAENSE, falando sobre a imigração para o Quebec, vale a pena assistir :




E que o Senhor nos ajude, porque até aqui, Ele já nos ajudou!!!


bjokas

sexta-feira, 24 de junho de 2011

Avangardix

Oi pessoas!!

Tá pra nascer uma pessoas que fuça mais na net do que eu, e numa dessas encontrei outra dica de site pra treinar o francês, achei bem legal e útil!!Tem até uma apostila básica pra estudar!!!
Segue link - vale a pena dar uma olhadinha !!!
Avangardix

Aproveitei o feriado pra mexer um pouco na cara do blog,eu enjoo muito fácil de rotinas, daí resolvi dar um ar mais light pro meu lindo blog!!! Espero que gostem.... aliás, onde estão meus seguidores que sempre comentavam meus posts heimmmm???? Saudades de vcs galera!!!

Bjkas

domingo, 19 de junho de 2011

RosettaStone

Oi gente!!


Passando rapidinho pra deixar mais uma dica de curso de idiomas que peguei com o pessoal do  canada_immigration_brasil, uma comunidade com uma galera show de bola, eles são sensacionais e sabem muitooooo sobre imigração .... é sobre um software de ensino de idiomas o RosettaStone, com suporte online tudo mais.... Não testei ainda.... mas parece ser muito bom !!




No mais, tudo certo.....




E a vida segue !




Bjus e boa semana!

domingo, 12 de junho de 2011

Ranking 2011- best of Quebec


La ville de Québec (notre photo) arrive très loin devant Montréal au palmarès des villes canadiennes sur la qualité de vie. La Vieille Capitale pointe en effet au 25e rang et la métropole, en 123e position.
PHOTO: AP


Li por ai e achei interessante já que estou procurando definir a cidade pra onde vamos ....

---
Quebec faz sombra em Montreal

O ranking apresentado não é a favor de Montreal. Depois de ter honrado a metrópole quebequense como « a cidade  canadense com a maior curtição » em 2009, a revista de economia MoneySense lhe deu um verdadeiro golpe esta semana no seu ranking 2011 sobre a qualidade de vida. Dentre os 180 municípios canadenses analisados, Montreal herdou um medíocre 123º lugar, ultrapassado por Vancouver (29 ª) e Toronto (91 ª)

O que faz mal a Montreal : o preço das habitações, a baixa renda doméstica e a alta taxa de desemprego. A cidade se classifica abaixo da média nos 10 dos 17 critérios de avaliação Ela entretanto, figura melhor no critério de transportes em comum (1ª sobre 180), o número de pessoas que vão ao trabalho a pé ou de bicicleta (25ª) e a proporção de carros novos nas ruas (31ª).

A Capital Quebec, acima disto, um muito boa 25ª posição, notadamente graças a seu número elevado de médicos pourproporção de 1.000 habitantes, à sua baixa criminalidade e à sua baixa taxa de desemprego. Pela quarta vezes em 6 rankings elaborados, a aglomeração Ottawa-Gatineau chega em primeiro. Seu segredo: notas médias em praticamente todos os critérios, do número de desempregados à vida cultural, passando pela criminalidade. « É claro que uma grande parte do sucesso da cidade provem do fato de a cidade ser a sede do governo federal, explicam os jornalista Joe Castaldo e Periforantos. A burocracia, mesmo se ela não é sexy, significa empregos, rendas elevadas e serviços públicos. »

Ranking controverso
Consciente da controversa que provoca todo ano sobre seu ranking pancanadense, a revista MoneySense assegura não levar em conta os critérios mais objetivos pour estabelecê-lo. Os dados provêm, como por exemplo, de Estatística Canadá, dos dados de Meio Ambiente Canadá (as preciptaçoes anuais são um dos critérios) e os estudo da Sociedade Canadense de hipotecas et habitações

« A gente se acusa de não haver levado em conta vários fatores que têm a maior importância, como a presença de vizinhos amigáveis ou a beleza das paisagens, precisam os autores do artigo sobre o ranking. É verdade que estas características contribuem na qualidade de vida de uma cidade, mas elas são subjetivas e completamente impossíveis de medir. »

Neste sentido, o ranking de 2009, que coroou Montreal como a cidade mais animada (« com mais curtiçao », tinha um senso subjetivo. Atribuía-se à metrópole quebequense o status de capital cultural do Canadá em razão dos seus cafés, festivais, teatro, cinema e restaurantes.

Como o ranking 2011 sobre a qualidade de vida, entretanto, MoneySense se enganou, estima a prefeitura de Montreal. « Este ranking não nos impedirá de dormir : outras publicaçoes dizem o contrário, disse Darren Becker, porta-palavra do comitê executivo da cidade. Loney Planet, New York Times, Monocle Magazine, todos comprovam a qualidade de vida em Montreal » A Metrópole, assegura, « é uma cidade em pleno crescimento, com 162 canteiros em obras para 13,4 bilhões de investimentos, projetos que têm um impacto direto sobre a qualidade de vida dos cidadãos de Montreal.

------

Créditos: Blog Ouais-Quebec



Ranking 2011 das melhores cidades canadenses:
http://bit.ly/fkOCro

Para quem quiser ler o texto original em francês, segue o link abaixo.

Texto original em :
INTERNET. http://bit.ly/h02Thd 02-04-2011.

sábado, 11 de junho de 2011

Bíblia em frânces!!





Olá galera !!!


Estamos na área novamente.
Bom essa semana foi bem sussegadinha, até porque depois do balde de água fria que levei da supervisora, decidi mudar um pouco de atitudes.Sei lá se estou correta, mas já que um funcionário bombril bocudinho não tem valor, então seremos um profissional lâmpada queimada mudinho!! Ahh, cansei né.... Inda bem que sexta, dia 10 foi niver da cidade e eu não trabalhei! Daí hoje, me dei folga e chutei o pau da barraca..... rsrsrs.....Pensa numa pessoa revoltada?? é sou eu !!!


Mas tá bom !!


Olha só a dica de hoje, li em um grupo do qual faço parte, que uns colegas solicitaram uma bíblia em frânces!! Achei excelente, já que o texto é familiar pra mim e posso aliar o útil ao necessário!! 


Segue o link para quem gostar da idéia! Eu já pedi a minha, qdo receber aviso por aqui!!


Bíblia em frânces


E também tem uma versão online, pra quem não vive sem o laptop nas mãos !!! ( eu por exemplo ):


Bíblia em frânces- online


Eu achei extremamente útil .... 


Bom gente, por hoje era isso !! Qq coisa dou um grito ae!!


PS- mamãe cada dia melhor!!


PS2- Brazuca, fica de boa.... no fim dará tudo certo!!! E que venha o FIMMMM !!!!


PS3-  Obrigada meu DEUS !!!!




Romanos 10.17 "De sorte que a fé vem pelo ouvir, e o ouvir pela palavra de Deus".

sábado, 4 de junho de 2011

Entre dúvidas e medos !!


 Oi leitores amados!!

Passando por aqui hoje para mais um desabafo básico .... mas com notícias boas também! Minha mãe finalmente     teve alta hospitalar, está em casa e passa bem!! Obrigada a todos que oraram e me deram forças nesses dias ruins !! Amo vocês!!
Mas como nem tudo são flores, acabo de levantar de um tombo e levo outro... tivemos visita de supervisores essa semana, na empresa em que trabalho, e lógico que minha boca grande levou um sermão de insubmissão básico! Gente, eu não entendo e jamais vou, oque eles tem contra um ótimo profissional que não engole sapo de ninguém??Pois é.... não sei também..... sei que tive que ouvir um monte de melecas por conta disso!!! Aff.... minha supervisora me disse que nunca disse não pro chefe dela..... affff....pois eu disse e ainda vou dizer muitas outras vezes caso ele mereça ouvir..... não suporto gente falsa....que quer aparecer pros bam bam bam da empresa , mas no dia a dia a coisa é bem diferente.....eu falo mesmo!!Pra cima de mim não!!

Nossa sei que fiquei desmotivada.....abalada....triste pra caramba..... dá vontade de chutar tudo pra cima e sair correndo!!!! Mas..... paciência né..... como eu disse, nem tudo é perfeito!!!


Bom, fora esse ocorrido, tenho tido muitas dúvidas com relação ao processo de imigração, muitas pessoas falam que não temos outra opção a não ser ir pelo Quebéc, porque minha profissão não está mais na lista dos TOP....rsrsrs.... tá, tudo bem! Eu queria mesmo ir por Quebéc.....rsrsrs.... mas segundo me consta e os fatos comprovam, é quase ( disse quase ) impossível validar meu diploma por lá..... não que o Quebéc não precise de farmacêuticos com a bagagem que eu tenho, mas o Conselho regulatório valoriza os profissionais canadenses e dificulta a entrada na categoria.... dai, complica!! Porque de que me adianta ir pra lá e não poder atuar na minha área ?? Estava disposta a entender que o processo é lento e tal, mas que é impossível eu não tava preparada não..... dizem que talvez eu possa atuar em industria ou laboratório de análises clínicas,mas ..... minha área e minha paixão é hospitalar..... e isso, nem o Canadá vai me tirar.....


Dizem que posso tentar equivalência de diploma e tentar fazer um mestrado com bolsa e tudo mais, mas a verba é curta e tenho um bezerro pra sustentar....não queria que ele sofresse por conta dos meus sonhos.....
Poderia fazer a faculdade novamente por lá..... mas .... já tenho 32..... até chegar lá e terminar a faculdade seriam uns 40.... vale a pena??

Aff.... queria não ter tantas dúvidas......alguém pode me ajudar???rsrsrs

Bom, terminei o MODULE 1 do curso de francês online ( L'ecolé de français quebecois ) que estou fazendo....sei lá se aprendi algo,mas eu gostei e fiquei com nota 9,6 ....rsrsrs......

é isso povo!!

To meio down hoje.....

Deixo um video do Ozzy pra reflexão de vocês.... costumo ouvir qdo to assim .....



Amanhã será melhor!!!

Bjokas